É possível fazer musculação só com elásticos?

Ao trabalhar contra a resistência do material, esse tipo de treino exige dos músculos tanto quanto os exercícios realizados com pesos

Treino do seu jeito 3 min. de leitura
É possível fazer musculação só com elásticos?

Os elásticos são excelentes aliados dos treinos musculares. E, ainda por cima, são práticos, baratos e portáteis, podendo ser usados em qualquer lugar.

Embora sejam leves, os elásticos exigem tanto dos músculos quanto os exercícios realizados com o auxílio de pesos, outros equipamentos ou o peso do próprio corpo. Isso porque trabalha-se contra a resistência do material. 

Benefícios

mulher fazendo exercício com elástico
A musculação com elásticos trabalha todas as partes do corpo. (Fonte: Giphy)

“Durante o movimento, a função muscular será de contrair, relaxar e realizar movimentos que possibilitam muitas habilidades diferentes. Além disso, os exercícios favorecem a circulação sanguínea, a queima calórica e protegem as articulações”, explicou a professora de Educação Física Juciele Bezerra de Sá (CREF 010628-G/PE).

Outra vantagem é que, com o auxílio do material, é possível exercitar todos os grupos musculares: glúteos, pernas, braços e abdômen. “O elástico é especialmente indicado para a melhora do condicionamento físico, pois possibilita a execução de uma série de movimentos que trabalham todo o corpo”, comentou a instrutora. 

Versatilidade

grupo treinando com elástico
Os exercícios com elásticos podem ser realizados por qualquer pessoa. (Fonte: Tenor)

A profissional também lembra que a prática pode ser realizada por qualquer pessoa, bastando adaptar os exercícios. Os elásticos podem ser adquiridos com diferentes larguras e diferentes níveis de resistência, dependendo dos seus objetivos. 

Enquanto elásticos mais leves funcionam bem para aquecer, elásticos mais grossos, em conjunto com uma série de exercícios, trabalham força e definição. 

Eles também podem auxiliar no alongamento da musculatura e das articulações, sendo usados igualmente como instrumentos de reabilitação. 

Cuidados

homem pulando
Para evitar lesões, é importante buscar acompanhamento profissional. (Fonte: Tenor)

Apesar da praticidade, a professora Juciele alerta que os exercícios podem se tornar perigosos se não houver alguém ajudando na execução. Mesmo que você esteja realizando o treino em casa, é importante ter o acompanhamento de um profissional capacitado. 

Outra desvantagem da atividade é a limitação para o uso de carga. “É um pouco difícil mensurar o progresso e dizer se a intensidade está correta. Dependerá da percepção individual de cada um”, explicou a profissional.

Quer encontrar outras sugestões de exercícios para fazer em casa? Então, acesse a seção Treine do Seu Jeito e confira as nossas dicas!

Gostou do assunto? Que tal compartilhar com seus amigos?