4 dicas para quem quer aproveitar o Carnaval para meditar

Foco na respiração e na consciência corporal permite que a meditação seja relaxante e contribui para a sensação de bem-estar

Motivacional 4 min. de leitura
4 dicas para quem quer aproveitar o Carnaval para meditar

Vem aí mais um Carnaval! Mas, desta vez, em razão da pandemia, o ritmo será diferente. Nada de aglomeração e agito — em algumas cidades, nem mesmo o feriado está previsto. Por isso, trocar o bloquinho por um programa caseiro é uma ótima opção (nota dez nos quesitos segurança e relaxamento). 

Para quem quer usar a data para descansar a cabeça e o corpo, conectando-se consigo, vale experimentar exercícios de meditação. É um ótimo jeito de “viajar” na pandemia — nesse caso, para dentro de si.

Gostou? Então confira quatro dicas para arrasar em harmonia e evolução.

1. Comece com exercícios simples de respiração

Inspirar e expirar com tranquilidade e atenção corporal é o primeiro passo, que é simples, fácil e rápido no mundo da meditação. (Fonte: Fizkes/Shutterstock)

Ansioso para começar a meditar? Acalme-se e respire. Esse ato é fundamental para a saúde física e mental, já que conduz o ritmo da mente e de todo o metabolismo. 

Existem uma série de variações de respiração possíveis. Você pode começar marcando a respiração com um ritmo mais lento: inspire contando até cinco e expire no mesmo tempo. Conforme se sentir bem, aumente o tempo entre inspirar e expirar, alongando o período da expansão e da contração do pulmão.

Lembre-se de inspirar o ar e “encher” o diafragma, músculo que separa a cavidade torácica da abdominal. Procure fazer isso sentado e sem cruzar as pernas, para não prender a circulação sanguínea.

2. Perceba seu corpo enquanto respira

Reserve um período para fazer os exercícios de respiração. Porém, mais importante que a quantidade é a qualidade do tempo. Desligue o celular e evite outros estímulos: o foco está no agora

Uma dica bacana é começar com 5 minutos e focar toda a atenção possível no corpo enquanto se respira calmamente. Desde pequenos desconfortos ou coceiras até sensações prazerosas, procure conhecer e entender o que o corpo está sentindo. Acolha pensamentos e sensações com tranquilidade, mas sempre volte a atenção ao ritmo da respiração.

Se você estiver confortável, vale a pena sentar em uma cadeira e, enquanto respira, procurar sentir todo o corpo, dos dedos do pé ao couro cabeludo (evite fazer esse exercício enquanto está deitado, como é relaxante pode causar sono). 

3. Experimente incluir a mentalização de luzes

Imaginar uma energia luminosa permite criar a sensação de bem-estar e cura. (Fonte: Luciana Carla Funes/Shutterstock)

Outra opção bacana é experimentar a imaginação. Sentado em uma cadeira, imagine que, junto ao ar, você inspira lentamente uma luz branca (pode-se fazer isso também com outra cor clara e leve). Imagine ela circulando por todo o seu corpo e limpando as energias negativas. 

Após um período com a respiração suspensa, solte o ar e, em vez de um ar luminoso, imagine sair de si um ar carregado por todos os maus pensamentos, más energias e vibrações pesadas — tudo aquilo que faz mal e deixa você triste. Assim, repita esse processo por uma série de ciclos de respiração, até que o ar expirado tenha terminado a limpeza energética e seja tão luminoso e vibrante quanto o inspirado.

4. Tente meditação guiada ou com música

Algumas pessoas relatam dificuldade em se concentrar durante a meditação. Se esse for o seu caso, não perca a paciência. Existem formas de lidar com isso. Uma delas está em ouvir músicas lentas durante a respiração e a percepção corporal. 

Vale a pena considerar também meditações guiadas. Nesse caso, uma voz indica etapa por etapa o que fazer: inspirar, respirar, imaginar luzes ou uma situação agradável, pensando em locais calmos. Assim, ganha-se familiaridade com a introspecção e logo se pode partir para exercícios mais autônomos.

E aí, gostou das dicas? Então, enquanto o Carnaval presencial está de férias, arrume a postura, respire com calma e se concentre. Em poucos minutos, é possível voltar a ter o corpo e a mente renovados. Compartilhe este texto com seus amigos que também precisam se conectar.